domingo, 22 de março de 2009

Vida pessoal...

Boa noite, pessoas queridas!!!

Ultimamente tenho falado muito da vida alheia...rsrsrs, aqui no blog, claro!!! Hoje vou falar um pouco da minha...
Esse espaço é nosso! É para dividir histórias, compartilhar bons momentos, falar de vários assuntos!
Nessa semana tive uma experiência interessante!
Minha filha estuda numa escola japonesa e todo ano essa escola recebe estudandes do ensino superior lá do Japão que vem fazer estágio aqui no nosso Brasil. As famílias que querem podem hospedar esses estágiários em casa (homestay). A Isabella (minha filha) fica muito entusiasmada com essa possibilidade e essa foi a segunda vez que recebemos em nossa casa uma "sensei (professora) diretamente do Japão!
No ano passado esteve em nossa casa a Eriko Mase! (foto acima) Ela falava um inglês razoável e não foi tão difícil se comunicar com ela. Como podem ver, claro, que ofereci nossa bebida típica brasileira: Caipirinha... mas só um pouquinho! Ela bem que gostou, se eu oferecesse mais era capaz até de falar em português...rsrsrs

Na última quarta-feira quem esteve em nossa casa foi a Saori Watanabe!
Ela é bem jovem, tem 21 anos e foi uma experiência diferente da outra vez. Ela falava pouco em inglês e meu japonês dessa vez estava um pouco melhor (eu faço aulas na escola da Isa). É interessante como podemos nos comunicar de diversas formas. Misturei um pouco de japonês com inglês e mímica e deu super certo!!!
Podemos aprender sempre! Receber uma pessoa de cultura tão diferente é enriquecedor para ambas as partes. Tanto ela quanto eu, a Isa e o Alexandre usamos um recurso fundamental para nosso aprendizado que é a FLEXIBILIDADE! Aceitar as diferenças, desejar conhecê-las e aprender com elas e extramente positivo na vida! Desenvolve a criatividade e inteligência! E podemos aplicar isso em todas as áreas de nossa vida!
Para emagrecer é necessário ser FLEXÍVEL, adaptar-se as mudanças, ser paciente com os resultados e ter muita paciência para alcançar o objetivo! Quanto mais você exercitar sua flexibilidade, mais POSSIBILIDADES vai perceber em sua vida!
Faça coisas diferentes, sai da rotina, mesmo que sejam coisas simples!
Ser inflexível nos torna cegos às oportunidades!
Tenho aprendido muito com os "japoneses". Até a Isabella entrar nessa escola nunca tinha me interessado ou tido contato com a cultura japonesa e quase desisti... quando fui na primeira festa antes das aulas começarem e vi tanta gente diferente senti medo de estar fazendo a escolha errada e comentei com a diretora da escola e ela me disse o seguinte:

"Se o mundo está dividido em ocidentais e orientais, aquele ser humano que tiver contato com as duas culturas poderá ser um ser humano mais completo".

Isso me marcou tanto! Agora, veja nessa foto abaixo, não há diferenças! A Isa está aí entre crianças... crianças, apenas!!!
E, como aprendi com a Mayume sensei, se há divisões... elas só nos trazem aprendizados!
Então plagiando o que ela disse, se o mundo está dividido entre gordos e magros, aquele que passar pelas duas experiências, será um ser humano mais completo!!! rsrsrs
SEJAMOS MAGROS! SEJAMOS COMPLETOS! SOMOS UMA POSSIBILIDADE!
Beijinhos,
Roseli Masi
A próxima história vai ser da Margareth... nossa dançarina cigana! Ela foi cartão postal do Rio de Janeiro, deixou de dançar, engordou... e agora está emagrecendo porque é UMA POSSIBILIDADE!

4 comentários:

Valérie Roberto disse...

Hoje eu pensei nisso... Eita! Não pode ser por acaso que a gente passa por tudo isso (processo de engordar e emagrecer). E acho muito pouco ganhar uma bagagem desta (que paradoxal: ganhar bagagem, dispensando o peso) e não fazer nada para que outros a recebam também. Guardar só para si é muito egoísmo. POr isso que tenho blog, para "gritar" para todo lado o bom de emagrecer.

Adoro a cultura japonesa, sempre me dei bem com o povo do Nikkon, tanto que por 15 anos fui membro da Igreja Messiânica e fiz o curso completo de Ikebana Sanguetsu, que adoro. Conheci outro estilo de vida, outra maneira de pensar e agir

Sua filha só tem a ganhar com a diversidade

Beijoca

inesbj2003 disse...

Oi Rô!
Realmente, aprender a cultura de um outro país é muito interessante. Nos leva a caminhos jamais imaginados e nos dá uma bagagem para a vida toda.
Conheço um pouquinho da cultura japonesa, 1º porque trabalhei 8 anos no Bairro da Liberdade e 2º porque meu irmão adora os desenhos japoneses, então escuto (de tabela, rs) muitas músicas japonesas.
E conheço um pouquinho da cultura árabe, por conta dos meus estudos ligados a dança do ventre.
Para sua filha será uma das mais gratificantes experiências da vida dela.
Boa semana
Beijos

ROSELI MASI disse...

Val,
tudo bem?
Temos muito a contribuir com as pessoas com as experiências que adquirimos na vida! Gosto muito de compartilhar e como comentei uma vez, sou nova nesse lance de blogs e estou adorando, dá para dividir de tudo...
Uma das coisas que mais me despertaram a ser orientadora foi exatamente o que disse aí em cima: contribuir para que mais pessoas percebam que são POSSIBILIDADES!
Beijos,
Ro

ROSELI MASI disse...

Ines,
tudo bem, querida? Cada vez nos conhecemos mais um pouquinho... 8 anos na Liberdade!!! Tudo de bom... fui para lá poucas vezes e me encantei!
A Isa adora musiquinhas japoneses, sabe cantar direitinho, temos até um DVD...
Uma das minhas sogras (tenho duas, os pais do Alexandre são separados e casados novamente) é do Líbano e mora em Araçatuba, sempre que vamos para lá aprendemos um pouco da cultura. Quando a Isa tinha 2 meses ela fez uma festa típica, com vários rituais, inclusive um doce especial, para apresentar a neta às amigas!
Foi emocionante!
Beijos,
Ro